Ministra Nilma Lino Gomes participa de atividades da Caravana pela Igualdade Racial e Superação do Racismo em Belém

quarta-feira 29 de abril de 2015

A ministra da Seppir se reuniu com lideranças de comunidades tradicionais e gestores de igualdade racial de vários municípios paraenses. À tarde, participou de painel na VI Conferência Internacional de Direitos Humanos, organizada pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/PA).

A ministra Nilma Lino Gomes está em Belém (PA), onde deu início à Caravana Pátria Educadora pela Promoção da Igualdade Racial e Superação do Racismo. Com a iniciativa, a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) pretende ampliar o debate com os entes federados e a sociedade civil, visando fortalecer a agenda da igualdade racial em todo o Brasil. Entre os objetivos da Caravana está o incentivo para que estados e municípios façam a adesão voluntária ao Sistema Nacional de Promoção da Igualdade Racial, o Sinapir.

Entre as atividades da Caravana, a ministra participou, na tarde desta segunda-feira (27/4), de um painel sobre Igualdade Racial na VI Conferência Internacional de Direitos Humanos, que acontece até a próxima quarta-feira (29/4), na capital paraense. O evento, que é organizado pela Ordem dos Advogados do Pará, debaterá durante três dias diversos temas relacionados à igualdade dos direitos sociais.

Em sua fala, a ministra da Seppir destacou como a promoção da igualdade adensa a discussão sobre direitos humanos, lembrando que esse debate deve ser feito numa perspectiva mais ampla, contemplando a questão racial em sua profundidade. “Os direitos humanos serão cada vez mais humanos quando entendermos que a perversidade do racismo está na desumanização do negro e da negra como sujeitos e pessoas humanas”.

A ministra destacou que a superação do racismo exige uma luta incisiva, não apenas da população negra, mas de todos os que desejam a construção de um país mais justo e mais democrático.

Logo após sua participação na Conferência, a ministra se reuniu com gestores de Igualdade Racial do estado e dos municípios paraenses de Ananindeua, Santarém, Irituia, Castanhal, Moju, Bragança e Gurupá. O encontro permitiu a troca de informações sobre a agenda da igualdade racial, as dificuldades e perspectivas dos que atuam com a pauta. A ministra aproveitou a ocasião para incentivar os gestores a perseguirem com determinação os seus objetivos. “Gostaria de lembrar a vocês que, além do senso de justiça, é também a luta dos nossos ancestrais que nos move”.

Comunidades Tradicionais – Ainda pela manhã a ministra se reuniu com lideranças de comunidades tradicionais de matriz africana, no Instituto Nangetu. O objetivo foi ouvir as demandas dessa população e apresentar as ações da Seppir, incluindo a implementação do Sinapir. Ela explicou que o Sistema vai possibilitar a institucionalização da pauta, uma vez que estimula a criação de órgãos de igualdade racial nos estados e municípios.

De acordo com a ministra Nilma Lino Gomes, além de incentivar a criação desses órgãos, o Sistema irá democratizar o acesso aos recursos federais, já que os projetos apoiados pelo Sinapir serão selecionados mediante chamadas públicas.

Fonte: Seppir

apoio Apoio da Fundação Ford

Créditos | Admin